Fundação Educacional Dr Raul Bauab - Notícias

Capela São José da Fundação recebe o título de Paróquia Universitária

da3a5319d45266f734f107355969ec1c.jpg
Aconteceu no último domingo, 03 de janeiro de 2021, a Celebração de titulação da Capela São José, que a partir desta data, tornou-se a Paróquia Universitária São José.


Aconteceu no último domingo, 03 de janeiro de 2021, a Celebração de titulação da Capela São José, que a partir desta data, tornou-se a Paróquia Universitária São José.
Localizada nas instalações da Fundação Educacional “Dr. Raul Bauab” – Jahu, a agora Paróquia, terá como Pároco um amigo de longa data e já conhecido por muitos, o Padre Antonio Galvão de Campos Arruda Filho, o Padre Toninho.
A belíssima e emocionante celebração contou com a participação do Bispo Dom Eduardo Malaspina, que com sua simplicidade, integridade e alegria, celebrou junto da comunidade, esse marco para a nossa instituição e também para a nossa cidade de Jaú.
Com o título, a Paróquia Universitária São José poderá realizar eventos como batismos, casamentos, primeira eucaristia e crisma, envolvendo e abraçando todos os jauenses.
A Fundação Educacional “Dr. Raul Bauab” – Jahu se orgulha de poder fazer parte desse acontecimento, que contou com o apoio do nosso Mantenedor, Dr. Raul Bauab Filho. Temos certeza de que a Paróquia Universitária São José fará a diferença na vida de nossos alunos e comunidade.

A seguir, confira a entrevista realizada com o Bispo Dom Eduardo Malaspina, sobre a instalação da Paróquia Universitária São José.

O que muda para a Capela São José o título de Paróquia?
A paróquia para nós é uma instituição, algo que vem enriquecer a vida comunitária. Toda vez que falamos em paróquia nós lembramos uma comunidade viva, animada, comunidade que está sempre preocupada em tornar o Evangelho de Jesus Cristo Mais conhecido, amado e mais assumido. Agora com o Pároco, é claro que aqui agora pode-se realizar os batizados, os casamentos, as crismas... Agora, aqui (a Paróquia Universitária São José) terá uma vida própria, autônoma, como muitas paróquias da nossa cidade de Jaú.

Como a sociedade pode se beneficiar com agora a Paróquia Universitária São José?
Eu penso que algo importante como a Paróquia Universitária, que são os objetivos dela... Não só congregar os membros da comunidade universitária, do Colégio da Fundação, das Faculdades Integradas, na fé na reflexão, mas também promover as relações com a palavra de Deus, nas suas relações com a cultura, com a vida, com a dinamicidade antropológica, de cada homem, de cada mulher, mas também aprofundar a vivência da fé num programa de formação permanente, num diálogo entre fé e ciência, num diálogo entre os estudantes, na busca com que as pessoas possam ser despertadas na fé.

Os jovens vão poder contribuir de que forma com a nossa Paróquia?
Na medida em que eles são tocados pela graça de Deus, na medida em que são tocados pelo Evangelho, na medida em que eles se sentem comunidade paroquial, na medida em que se favoreçam atividades que possam promover a espiritualidade e o encontro com Jesus Cristo, ou também atividades missionárias com as comunidades carentes da cidade, em que os jovens possam ser desafiados a fazer o bem a essas pessoas... São desafios colocados aos jovens, que farão com que eles sejam integrados à vida comunitária.

Bispo, o senhor agora poderia deixar uma mensagem aos jovens do Colégio da Fundação e das Faculdades Integradas de Jaú?
Eu gostaria de dizer tanto aos jovens quanto aos adolescentes, a aqueles que fazem parte da Fundação que aqui vão beber desse oásis da nossa Paróquia Universitária, para que não deixem que ninguém roube do coração de vocês a esperança; não deixe que ninguém roube do coração de vocês o amor, a fé, o sonho... Pois se não tivermos sonhos, se não tivermos esperança, nós não caminhamos... Nós não conseguiremos nunca, atingir os objetivos. Que a vida comunitária possa suscitar sempre em vocês estes sonhos, estas esperanças. Quero lembrar que a graça de Deus, ela vem ao nosso alcance ao nosso socorro para sempre nos estimular a ser melhor. Nós podemos fazer o bem, nós podemos fazer o bem juntos, então eu desafio os jovens a vivermos juntos essa vida comunitária; que possamos fazer parte dessa vida paroquial e que possamos viver um ano muito abençoado, porque nós contamos com a graça do Senhor.

Todas Notícias

Notícias Relacionadas