Você viu?


Postado por Estela Capra em 20/05/2017


Durante os quatro dias de Jornada da Comunicação Social, os alunos do 1º e 2º anos do curso expuseram trabalhos realizados durante as aulas de Sociologia, Filosofia e Introdução à fotografia. As mostras ficaram no bloco marfim, próximo ao anfiteatro, onde aconteceu a maior parte dos eventos.

Alunos do 1º ano desenvolveram, orientados pela professora de Sociologia Grasiela Lima, banners e cartazes de divulgação do Dia Nacional de Combate ao Abuso e Exploração Sexual de Crianças, celebrado no dia 18 de maio.

De acordo com a aluna Poliana Perez, o trabalho foi interessante pois incentivou a busca por informações sobre o tema, como número para denúncia e até qual idade é considerada criança.

O estudante Cairon Moraes, também do 1º ano, conta que a professora passou vídeos e trechos de filmes para fornecer embasamento teórico para realização do trabalho. “É um tema importante mas muito delicado.”

Já os alunos do 2º ano desenvolveram ensaio fotográfico sobre a afirmação e negação do trabalho na crise do capitalismo para a disciplina de Filosofia. A professora Grasiela Lima, junto ao professor Danilo Berbel, acompanharam a elaboração da atividade.

Além disso, os estudantes expuseram as fotos produzidas para a disciplina de Introdução à fotografia com o professor Danilo Berbel. As fotografias mostram o uso de técnicas, de ângulos, de luz aprendidas durante as aulas. “Nós não temos muitas aulas práticas então o trabalho é uma extensão das técnicas que a gente aprende em sala”, afirma Karina Dinhane do 2º ano de Comunicação Social.




Você viu?


Postado por Estela Capra em 20/05/2017


Durante os quatro dias de Jornada da Comunicação Social, os alunos do 1º e 2º anos do curso expuseram trabalhos realizados durante as aulas de Sociologia, Filosofia e Introdução à fotografia. As mostras ficaram no bloco marfim, próximo ao anfiteatro, onde aconteceu a maior parte dos eventos.

Alunos do 1º ano desenvolveram, orientados pela professora de Sociologia Grasiela Lima, banners e cartazes de divulgação do Dia Nacional de Combate ao Abuso e Exploração Sexual de Crianças, celebrado no dia 18 de maio.

De acordo com a aluna Poliana Perez, o trabalho foi interessante pois incentivou a busca por informações sobre o tema, como número para denúncia e até qual idade é considerada criança.

O estudante Cairon Moraes, também do 1º ano, conta que a professora passou vídeos e trechos de filmes para fornecer embasamento teórico para realização do trabalho. “É um tema importante mas muito delicado.”

Já os alunos do 2º ano desenvolveram ensaio fotográfico sobre a afirmação e negação do trabalho na crise do capitalismo para a disciplina de Filosofia. A professora Grasiela Lima, junto ao professor Danilo Berbel, acompanharam a elaboração da atividade.

Além disso, os estudantes expuseram as fotos produzidas para a disciplina de Introdução à fotografia com o professor Danilo Berbel. As fotografias mostram o uso de técnicas, de ângulos, de luz aprendidas durante as aulas. “Nós não temos muitas aulas práticas então o trabalho é uma extensão das técnicas que a gente aprende em sala”, afirma Karina Dinhane do 2º ano de Comunicação Social.